Polícia

Assaltante é baleado e morre após atirar contra policiais em Ariquemes


Um jovem de 22 anos, suspeito de praticar um assalto, morreu depois de ser baleado pela equipe da Polícia Militar (PM) em Ariquemes (RO), nesta quarta-feira (7). Segundo informou a PM, o rapaz teria atacado a guarnição a tiros, e por isso, os policiais precisaram reagir com tiros de pistola .40. O rapaz morto foi identificado como Felipe da Silva Cabral.

Conforme a PM, durante a madrugada o CIOP recebeu a informação sobre um assalto em uma chácara na região conhecida como desvio do B-40. Quando estava a caminho do local, os agentes viram uma moto em alta velocidade com dois suspeitos.

Foi dado ordem de parada, porém os dois rapazes que estavam na moto desobedeceram e iniciaram uma fuga. A PM perseguiu a dupla até a Rua Longrina, sentido Bairro Mutirão. Na sequência a dupla tentou adentrar no pátio de uma madeireira.

Neste momento os jovens caíram com a moto no chão. Felipe e o comparsa tentaram fugir a pé, em meio aos palhetes de madeira, momento que um dos infratores começou a atirar na guarnição policial.

Clique e siga-nos nas redes sociais: WHATSAPP, INSTAGRAM, FACEBOOK e fique sempre informado.

Assaltante é baleado e morre após atirar contra policiais em Ariquemes
📷 Foto: Ilustrativa.

A PM reagiu com tiros de calibre .40, e um dos disparos acertou Felipe no tórax. O suspeito chegou a ser socorrido ao hospital pela própria polícia, mas morreu ao dar entrada na unidade.

O comparsa de Felipe foi localizado minutos depois na região da madeireira e recebeu voz de prisão. Ele conduzia uma moto no momento da abordagem e ainda confessou ter participado do assalto na chácara.

Em revista pessoal, foram encontrados cinco aparelhos celulares nas roupas do comparsa, além de tablete, um cordão prateado,pingente e uma carteira porta cédulas com documentos pessoais em nome do referido infrator. Com o suspeito morto foram localizadas várias notas de dinheiro, somando R$ 400.

Assalto na chácara

O morador da chácara contou aos policiais que estava no galpão do sítio, momento em que foi surpreendido por três suspeitos, sendo um deles armado.

Fazendo graves ameaças, o trio anunciou o roubo e conduziu vítima até a outra casa na mesma propriedade, onde também foram rendidos mais dois moradores. Os bandidos então pegaram os pertences das vítimas, como celulares e dinheiro. Na fuga, uma moto das vítimas também foi levada.

📰 Fonte: G1


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo
Fechar